COMPARTILHAR

Aberto ao público e com entrada gratuita, um circuito de seminários sobre imigração judaica no Brasil e sobre o terrível período do Holocausto será a atração de março do Memorial da Imigração Judaica e Holocausto.

Sempre às quartas-feiras, o primeiro, programado para dia 4, terá o comando do historiador Paulo Valadares, e abordará a migração dos judeus de Portugal para o Brasil; o segundo encontro, ministrado pela historiadora Maria Luíza Tucci Carneiro, abrangerá no dia 11 as crianças no Holocausto.

No terceiro seminário, o historiador Roberto Luis Faingold falará dia 18 sobre a imigração e a aculturação dos judeus do Brasil Colônia até os anos 1940. A socióloga Rachel Mizrah encerrará a programação no dia 25 com uma análise sobre os sefaradis (judeus da Península Ibérica).

Em cada evento, a palestra do especialista será seguida da exibição de um audiovisual (filme ou documentário) de 30 minutos de duração e terminará com um debate sobre o tema.

Os interessados podem participar dos seminários mediante inscrições pelo e-mail contato@memij.org.br, devendo fornecer nome completo e documentos. Ao todo, podem-se inscrever 50 pessoas por evento. Ao final, cada participante receberá um certificado.

Confira aos detalhes de cada seminário:

“Migrantes Invisíveis: Judeus de Portugal Para o Brasil – Século XX”

Ministrado por Paulo Valadares, contará sobre a imigração luso-judaica no século XX. Apesar da imigração portuguesa ser um assunto já bem explorado e com grande quantidade de estudos sobre o tema, não há nada sobre a emigração judaica de Portugal para o Brasil, que tenha relevância social e cultural.

“Crianças no Holocausto: Testemunhos de Sobreviventes”

O seminário ministrado por Maria Luiza Tucci Carneiro lança mão do testemunho das crianças que sobreviveram ao holocausto para mostrar a importância da educação em Direitos Humanos e como a cultura da tolerância exige muito mais do que uma iniciativa individual ou de uma única instituição. Por meio dos depoimentos, os participantes terão uma compreensão histórica dos Direito Humanos e como remetem ao reconhecimento do direto à vida.

“Judeus no Brasil: Periodização, Imigração e Aculturação”

O historiador Reuven Faingold apresentará a cronologia da história dos judeus no Brasil. Sua palestra abordará as peculiaridades e o perfil do imigrante durante cinco importantes períodos migratórios que ocorreram durante o Brasil Colônia (1500-1778), a invasão holandesa (1630-1654), o Império (1808 a 1891), as levas originárias do Leste Europeu (1882 a 1918) e a imigração da Alemanha nazista (1933 a 1945). Também discutirá a contribuição de cada grupo ao desenvolvimento do país e o grau de aculturação e inserção social que tiveram estas levas de imigrantes judeus. A palestra revelará fatos pouco conhecidos à maioria do público.

“Rachel Mizrahi – Os Sefaradis: Da inquisição ao Holocausto”

O seminário da socióloga Rachel Mizrahi falará sobre a Diáspora Sefaradi e a dispersão dos judeus e cristãos novos rumo às Américas e em torno do Mediterrâneo e dos Balcãs após a expulsão dos judeus da Espanha em 1492 e a conversão forçada em Portugal de 1497. Em Portugal, a violenta perseguição dos Tribunais da Inquisição levou a que grande número de conversos se refugiasse no Brasil. Nos territórios otomanos dos Balcãs, nas costas adriáticas, na Bulgária e na Grécia expressivas comunidades sefaradis subsistiram até serem atingidas pelo nazismo, culminando no aniquilamento de comunidades inteiras. Aqueles que escaparam decidiram pelo caminho da emigração. A socióloga mostra histórias de sobreviventes sefaradis que escolheram o Brasil como terra de refúgio e realização.

Sobre o Memorial da Imigração Judaica e do Holocausto
Localizado na primeira sinagoga do Estado de São Paulo (fundada em 1912), guarda um amplo e valioso acervo documental destinado a valorizar a contribuição dos judeus ao desenvolvimento do Brasil. Visa preservar a memória judaica, oferecendo ao público espaço para honrar a memória dos imigrantes judeus engajados na construção do Brasil. Com diversos recursos multimídia, Memorial convida o visitante a uma reflexão na qual história, arte, religião e cultura se fundem dentro de um ambiente especial, totalmente voltado para o conhecimento e a reflexão. Site oficial: http://memij.com.br/.

Print Friendly, PDF & Email