COMPARTILHAR

A Sinagoga Beit Yaacov, da Sociedade Israelita do Ceará (SIC), foi reaberta no dia 30 de julho após ter passado por um processo de reforma coordenado pela Diretoria da entidade. A noite de reinauguração teve início com a cerimônia do Cabalat Shabat, conduzida por Marcus Strozberg e Pablo Schejtman. A participação da comunidade foi grande, lotando o salão. Famílias inteiras assistiram ao serviço religioso e, após a cerimônia, todos se confraternizaram durante o maravilhoso Oneg Shabat organizado pelas senhoras da Na’amat Pioneiras – Centro Fortaleza.

E, no início de agosto, o rabino Leonardo Alanati, titular da Congregação Israelita Mineira (CIM), esteve em Fortaleza para dar atendimentos à comunidade, além de receber representantes de várias áreas de atuação local e reunir-se com a diretoria da SIC. A visita é resultado de uma parceria formada entre a Sociedade Israelita do Ceará e a congregação mineira e conta com o apoio da WUPJ Latin America e da Confederação Israelita do Brasil, a CONIB.

Alanati também conduziu o serviço de Shacharit que foi seguido por uma visita ao cemitério Parque da Saudade, onde recentemente a SIC adquiriu uma área para uso da comunidade, e reuniu-se com a presidente da Na’Amat e com os setores de educação da SIC—ATID e das morot. Encontrou-se com os jovens do grupo Iachad e, à noite, após o serviço de Arvit, o rabino conduziu a palestra “Os judeus negros da Etiópia — exemplo da diversidade judaica e das mudanças históricas ocorridas no Judaísmo”, assunto que atraiu a atenção de todos que lotaram o salão principal da sinagoga. (via WUPJ)

Print Friendly, PDF & Email