COMPARTILHAR

Câmara Municipal de Porto Alegre realizou Sessão Solene em homenagem aos 65 anos da Criação do Estado de Israel.

Sessão SoleneA Câmara Municipal de Porto Alegre realizou na tarde desta terça-feira, 14, Sessão Solene em homenagem aos 65 anos da criação do Estado de Israel, proposta pelo vereador Valter Nagelstein (PMDB). Presidida pelo vereador Guilherme Socias Villela (PP), a homenagem iniciou com apresentação do Coral Zemer da Naamat Pioneiras do Rio Grande do Sul, regido pelo maestro Francis Padilha, que interpretou os hinos israelense, brasileiro e rio-grandense. O evento contou com a presença do embaixador de Israel no Brasil, Rafael Eldad, além de representantes de entidades judaicas e líderes religiosos.

“Nossa esperança não estará perdida, a esperança de dois mil anos, de ser uma nação livre em nossa terra”, disse o proponente da homenagem, vereador Valter Nagelstein, ao iniciar o seu pronunciamento com as palavras do hino de Israel. De acordo com o vereador, a celebração pelos 65 anos de criação do Estado de Israel já faz parte do calendário da Câmara Municipal de Porto Alegre. “É importante combater a intolerância com informação. Grande parte da população judaica é árabe, e todos convivem em harmonia. Nós lutamos contra o radicalismo que interrompe esta paz. A tradição judaica acredita no amor a Deus.”

Nagelstein destacou ainda a capacidade do povo judeu em mesclar tradição e modernidade. “Este povo tem raízes ancestrais, mas cada vez se mostra mais moderno. Israel é um estado que se modernizou nas ciências, adquiriu Prêmios Nobel e construiu grandes áreas destinadas à agricultura. Israel não tem seu olhos voltados apenas para a religião, é um Estado que contribui para a sociedade”, acrescentou o vereador.

O presidente da Federação Israelita, Mário Cardoni, agradeceu a homenagem e ressaltou a relação muito estreita entre Israel e o Rio Grande do Sul. “Este vínculo de amizade que foi proporcionado significa a paz entre nossos povos.” O embaixador de Israel no Brasil, Rafael Eldad, manifestou sua alegria em ter a oportunidade de participar da celebração pelos 65 anos da criação do Estado de Israel na Câmara Municipal de Porto Alegre. “Esse é um gesto de amizade com nosso povo. O Estado de Israel é um milagre, se considerarmos as dificuldades, as lutas e os obstáculos enfrentados.”

O embaixador ainda destacou o fato de Israel estar rodeado por países de religião muçulmana que protestam contra a criação do Estado israelense. “É um grande mérito ser um país democrático que possui uma solidariedade interna tão forte, com pessoas unidas. Trabalhamos para manter nossa independência e para avançar. Ainda lutamos para sermos reconhecidos. Que no próximo aniversário da criação do Estado de Israel celebremos a paz. Queremos, precisamos, rezamos e esperamos conseguir a paz.”

O Estado de Israel foi proclamado em 14 de maio de 1948, por meio da Declaração de Independência assinada no salão antigo do Museu de Tel Aviv, atual Museu da Independência.

Print Friendly, PDF & Email

Comentários