COMPARTILHAR
foto: Eliana Assumpção

O apresentador e empresário Luciano Huck foi recebido pela comunidade judaica brasileira durante jantar organizado pela Confederação Israelita do Brasil (Conib), com a presença de lideranças comunitárias, empresários, rabinos, políticos, o cônsul de Israel em São Paulo e representantes das Federadas de São Paulo, Rio Grande do Sul, Paraná, Minas Gerais, Bahia, Pernambuco e Santa Catarina nesta quarta-feira, 14 de agosto, em São Paulo.

“A Conib tem realizado diversos encontros para estreitar o relacionamento com lideranças da sociedade civil e autoridades, e o Luciano é um exemplo claro disso, uma pessoa de grande presença na mídia e na sociedade, com importantes iniciativas sociais. Queremos aproveitar este momento para ouvir o que ele tem feito, bem como seus planos para o futuro, e apresentar a ele as atividades da Conib, Federadas e instituições da comunidade judaica”, destacou Fernando Lottenberg, presidente da Conib.

Acompanhado de seus pais, Marta Grostein e Marcelo Huck, e de seu padrasto, Andrea Calabi, Luciano destacou importantes momentos de sua história de vida e de como repensou seus valores após ter sofrido um acidente aéreo com sua família em 2015.

Ele também frisou seu envolvimento com o Movimento RenovaBr, que busca melhorar a qualidade da representação e do debate político e apoia uma agenda reformista. “A elite brasileira precisa se mobilizar. Não falta dinheiro, não faltam ideias, mas falta capital humano. Queremos qualificar a representação e o debate na política para que todos participem ativamente nesse processo”, disse ele.

Luciano também destacou suas raízes judaicas, seu Bar Mitzvah na CIP, os tempos em que frequentava assiduamente a Hebraica, seus muitos amigos na comunidade e sua recente viagem a Israel. “Tenho muito orgulho da minha origem judaica e da minha família”, disse Luciano, lembrando que seus dois filhos fizeram Bar Mitzvah no Rio com o rabino Nilton Bonder.

“A viagem a Israel foi intensa, fui a lugares onde os turistas não costumam ir, conversei com todas as gerações e saí de lá pensando na complexidade do conflito”, complementou ele.

O encontro contou com a presença do economista Paulo Hartung, ex- governador do Espirito Santo, que destacou algumas iniciativas de sucesso implantadas no Estado durante sua gestão.

“Fiquei muito feliz com o convite. É importante estabelecer o diálogo e conversar. Acho que precisamos fomentar uma cidade civil cada vez mais ativa, nos aproximar das soluções do país e achar a bandeira da renovação política, que passa por todos os credos, todas as cores e todos os recortes do país. Queremos um Brasil mais eficiente e mais afetivo e precisamos contribuir como uma sociedade civil ativa”, finalizou o apresentador.

Print Friendly, PDF & Email