COMPARTILHAR

Diretor do KKL testemunha o que é transmitir um legado de geração em geração durante visita a Maringá

Le dor Va Dor – De Geração em Geração – Este é um dos grandes legados da cultura judaica. Durante viagem a Maringá, entre os dias 21 e 23 de fevereiro, o diretor do KKL Brasil, Marcelo Schapo, testemunhou na prática esse preceito judaico.

“Em agosto de 2017, Alexandre Israel comprou Certificados de Plantio de Árvores em Israel do KKL em nome dos filhos Renan Benzecry Israel e Talita Benzecry Israel, passados quase dois anos, durante minha Palestra sobre ” Sustentabilidade e Meio Ambiente” realizada no Auditório – Hélio Moreira em Maringá, ele trouxe as crianças com os certificados para tirarmos uma foto juntos, o que para mim teve muito significado”, destacou Schapo.

A palestra contou com a presença do vice prefeito de Maringá, Edson Scabora, que fez a abertura do evento. Marcelo Schapo apresentou a história e o trabalho atual do Keren Kayemet LeIsrael – KKL, seguido de dois cases especiais, um projeto no Quênia destinado a tribo Turkana e o maior santuário de pássaros de Israel, o Hulla Park, que que recebe 500 milhões de aves por ano.

Durante a visita a Maringá, o diretor do KKL Brasil conheceu o Projeto de Hortas Comunitárias da cidade, “a Horta Comunitária produz muito mais de que sua meta inicial poderia prever, alimento com qualidade a população local. Questões humanas de alta complexidade são abarcadas com sucesso, trazendo ganhos para a população local e a cidade”, frisou.

Marcelo também visitou a Escola Estadual Ipiranga, Escola Notre Dame e o Colégio Adventista de Maringá, onde ministrou palestras sobre Sustentabilidade, Desertificação, Soluções Biológicas entre outros temas, com grande participação e interesse por parte dos alunos.

O diretor do KKL Brasil também concedeu uma entrevista à Rádio CBN e foi calorosamente acolhido pela Associação Israelita Norte Paranaense, comunidade judaica local durante a cerimônia de Shabat.

Print Friendly, PDF & Email