El Salvador, Peru e Chile premiam o Hamas

El Salvador, Peru e Chile premiam o Hamas

1390
0
COMPARTILHAR

O Estado de Israel manifestou a sua profunda decepção com a decisão precipitada dos governos de El Salvador, Peru e Chile para retornar os seus embaixadores para consultas. Este passo constitui um incentivo para o Hamas, um grupo reconhecido como organização terrorista por muitos países ao redor do mundo. Israel espera que os países que se opõem ao terrorismo possam agir de forma responsável e não entregar aos terroristas um prêmio. Até agora, cada vez que Israel aceitou os planos para o estabelecimento de um cessar-fogo e restabelecer a calma, foi combatida por disparos de foguetes do Hamas. El Salvador, Chile e Peru teriam sido muito melhor aconselhados a promover o movimento internacional destinado a ajudar Israel em seus esforços para defender civis inocentes e instaurar um cessar-fogo durável com a desmilitarização de Gaza.