Artistas boicotadores de Israel

Artistas boicotadores de Israel

344
0
COMPARTILHAR

por Luiz Nazario – Politicamente, os 50 artistas que exigem da Bienal o boicote a Israel estão mais atrasados que o Anão Diplomático, que já devolveu seu embaixador a Israel.

Ao escrever que “ao aceitar esse financiamento, o nosso trabalho artístico exibido na exposição é prejudicado [sic] e, implicitamente [sic], usado [sic] para legitimar agressões e violação do direito internacional dos direitos humanos [sic] em curso em Israel [sic]“, eles recaem na noção nazista de que os judeus “contaminam” o mundo.

Boicotando Israel, esses 50 artistas (incluindo eventuais judeus que desprezam seu povo) demonstram odiar o Estado Judeu acima de todos os outros, e se juntam ao que há de mais podre no mundo atual.

Se não querem ser “usados” nem “legitimar” com suas obras ditas artísticas “violação do direito internacional dos direitos humanos”, de que culpam exclusivamente Israel, que se retirem da Bienal.

Encontrarão certamente financiamento para montar uma Bienal paralela de protesto junto às ditaduras do Oriente Médio que exterminam homossexuais, lapidam mulheres e usam crianças como carne de canhão.